A proximidade do final do mês pode ser um momento delicado para muitas pessoas, isto porque a renda (ganho) e os custos de vida (despesas) podem não estar sendo compatíveis. Por essas e outras, a educação financeira faz diferença e o primeiro passo para mudar esse cenário é criar o hábito da economia.

Comece a organizar suas despesas de acordo com o quanto você ganha mensalmente e evite gastos que extrapolem este valor. Iniciando com esse planejamento, logo vem a etapa de livrar-se das dívidas e começar a juntar dinheiro para investir. É assim que o desejo pela independência financeira passa a se tornar mais próximo de virar realidade. Mas, e a liberdade financeira?

Para quem ficou na dúvida, os termos não só são diferentes como também indicam situações distintas. Entenda cada um deles e inicie seus planos para alcançá-los.

 

Afinal, o que é a Independência Financeira?

Atingir a independência financeira significa conseguir acumular uma determinada quantia de patrimônio, de modo que esse valor guardado seja suficiente para que você arque com todas as necessidades de custos mensais. Ou seja, a independência financeira quer dizer não depender de outro ganho para suprir seus gastos, como por exemplo, o salário.

Este prazo pode variar entre dois meses até um ano. É como ter uma reserva de emergência. Se algo inesperado acontece (uma demissão, por exemplo), ela é importante para que você não contraia dívidas.

Falando em dívidas, este é o segundo passo para alcançar a independência financeira. Quitar as dívidas, depois reduzir os custos e então poupar e investir para manter o padrão de vida que deseja.

Liberdade Financeira

Alcançar a liberdade financeira é atingir o patamar de poder tomar decisões financeiras com mais tranquilidade. Nessa situação, você tem a possibilidade de escolher entre continuar trabalhando ou não, mas com a segurança e o conforto  de fazer suas escolhas sem preocupações com a quantia no banco, adequando para realizar os seus objetivos e desejos.

A liberdade financeira quer dizer que o seu padrão de vida está mantido por tempo indeterminado. Nesse momento, o foco é direcionado a construir uma vida financeira. Isto é, investir e acumular patrimônios em seu nome.

 

E como fica na prática?

Independência financeira e liberdade financeira são conceitos complementares. Como explicado acima, alcançar a independência financeira é um passo importante e fundamental para chegar à liberdade financeira. Esta, por sua vez, abre a possibilidade para que você escolha e tome as decisões sobre o que importa, sejam seus objetivos ou desejos pessoais. Assim, a satisfação e a segurança estarão garantidas.